Fertilize nas redes sociais:
Dúvidas? ligue: (31) 3109-4109 | (31) 99115-6484 | (31) 9956-56484

Blog

3 dicas para ter melhores resultados na estação de monta

A estação de monta é a chance anual para você fazer com que a sua fazenda garanta uma ótima produção. Às vésperas do seu início, estamos no grande momento de tomada de decisões para fazer com que o ano seja de muita lucratividade com a inseminação artificial.

Agora é a hora para planejar e executar ações que farão com que os frutos desejados sejam alcançados. Para não desperdiçar essa chance tão importante e garantir os melhores resultados na estação de monta, siga as dicas que compartilhamos neste artigo! Confira agora mesmo:


1. Faça um bom trabalho no início da estação de monta

Na primeira metade da estação de monta, é normal que as fazendas lidem com um cenário muito animador: as fêmeas estão em ótimas condições e são as mais férteis, o capim está excelente e, o sêmen, bem conservado em botijão cheio de nitrogênio.

Já na segunda metade, a situação é diferente: o gado é geralmente menos fértil, a qualidade e a quantidade do capim, muitas vezes, são piores, o botijão de sêmen — com menos nitrogênio — já foi aberto por várias vezes e, por causa dos impactos sofridos por vários choques térmicos, a qualidade do sêmen tende a ser depreciada.

Na etapa inicial, é comum que a produção seja melhor. Nesse momento, como todas as condições na fazenda são favoráveis, os resultados são menos afetados por deslizes na inseminação, como a falta de cuidados no descongelamento do sêmen.

Você pode estar pensando que, então, não precisa dar atenção aos cuidados com o sêmen no início. Aí é que está o erro: quanto mais você tem dedicação com o estoque e o descongelamento do sêmen nesse momento, além de garantir uma eficácia maior para a atualidade, você conserva em boas condições as doses que serão utilizadas no final da estação de monta. 

gado se alimentando no pasto

2. Na inseminação, pegue até três palhetas por vez 

Você já deve saber que, sempre que abre o botijão para pegar palhetas de sêmen, as palhetas que continuam armazenadas sofrem choque térmico, certo? Para reduzir as vezes em que a qualidade do sêmen armazenado é comprometida, o recomendado é pegar mais palhetas por vez.

A medida mais aconselhável é pegar três palhetas a cada vez que o caneco do botijão for suspenso. Com essa recomendação, o sêmen manuseado tem sua qualidade preservada, ao mesmo tempo em que as palhetas ainda guardadas também.

Na hora de pegar as palhetas, lembre-se de que usar as mãos para isso já é um costume do passado. Agora, há pinças apropriadas para pegar várias palhetas por vez, o que faz com que os dedos sejam poupados e, além disso, o mais importante: a qualidade do sêmen permaneça.

Assim, você pode garantir que as doses de sêmen estejam mais conservadas para a segunda metade da estação de monta — quando as condições da fazenda não ajudam tanto os resultados da inseminação.

3. Faça o descongelamento do sêmen corretamente

Para garantir uma taxa de prenhez elevada, o descongelamento bem-feito é primordial. Por isso, garanta que sua fazenda tenha um aparelho que faça o descongelamento do sêmen por meio do controle eletrônico da temperatura da água.

Esse método garante mais assertividade no processo, fazendo com que as doses não sejam expostas a temperaturas muito altas e também não corram o risco de descongelarem incorretamente. A qualidade do descongelamento é garantida porque, nesse caso, o descongelamento ocorre com a água à temperatura exata de 35,5º C.

No momento de planejar as ações para os próximos meses, lembre-se de que tomar decisões corretas na estação de monta é a chance de fazer com que o trabalho e os esforços da fazenda sejam recompensados com melhores índices de prenhez.

Agora que você já sabe como obter os melhores resultados na estação de monta, curta a nossa página no Facebook para ter acesso a outras dicas para a produção na fazenda!

Últimas notícias

Fique por dentro de nossas novidades

Cadastre-se e receba informações sobre a Evolução na Pecuária.