Fertilize nas redes sociais:
Dúvidas? ligue: (31) 99115-6484

Blog

ABCZ disponibiliza consulta pública de dados de genealogia e avaliações genéticas pela internet

A ideia é que estas informações possam ser compartilhadas entre os criadores, facilitando não só a consulta de dados de animais, mas também objetivando aumentar o interesse por informações relacionadas às avaliações genéticas.

“Em países como Estados Unidos, Austrália e Canadá, este tipo de consulta já é liberada pelas associações que detém o registro genealógico de determinadas raças, como o caso da brahman. A ABCZ acredita que todos os criadores terão muito a ganhar com a divulgação destas informações”, diz o superintendente técnico da ABCZ, Luiz Antonio Josahkian.

Desde o dia 1º de outubro, quando o criador acessa o ambiente virtual das Comunicações Eletrônicas no site www.abcz.org.br, já é possível que ele decida se os dados dos animais de sua propriedade poderão ser visualizados por terceiros. “Apenas os dados dos animais autorizados por seus proprietários poderão ser vistos publicamente no sistema. Caso o criador não aceite disponibilizar as informações dos animais de sua propriedade através do site da ABCZ, basta que ele informe isto em sua página pessoal, onde apenas ele pode ter acesso as informações por meio do usuário e senha”, esclarece o superintendente de Informática da ABCZ, Eduardo Milani, lembrando ainda que a decisão do criador é reversível. “Caso ele tenha optado em determinado momento por não disponibilizar as informações, ele pode voltar atrás e tornar públicos os dados referentes ao seu rebanho”, salienta Milani.

A consulta pode ser realizada através do site da ABCZ por qualquer interessado em obter mais informações sobre os ascendentes e descendentes dos animais, bem como às informações genéticas, obtidas através da participação no PMGZ (Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos).

“Além dos dados de genealogia, o programa disponibiliza todo tipo de informação relacionado à avaliação genética, como: IQG (Índice de Qualificação Genética), peso à fase materna, peso a desmama, peso ao sobreano, idade ao primeiro parto, perímetro escrotal ao sobreano, entre outros. Também poderão ser consultadas as informações relativas à eficiência reprodutiva e a participação do animal em exposições realizadas pela ABCZ”, informa o superintendente Técnico Adjunto de Melhoramento Genético, Carlos Henrique Cavallari Machado.

Através do programa, o criador também contará com a possibilidade de adicionar fotos dos animais, bem como comentários relacionados. Atualmente, o banco de dados da entidade conta com informações de mais de 11 milhões de animais zebuínos registrados.

Fonte: ASBIA / Assessoria de Imprensa da ABCZ - Por Laura Pimenta 

Últimas notícias

Fique por dentro de nossas novidades

Cadastre-se e receba informações sobre a Evolução na Pecuária.