Fertilize nas redes sociais:
Dúvidas? ligue: (31) 3109-4109 | (31) 99115-6484 | (31) 9956-56484

Artigos

Dicas Fertilize 15 - Manuseio do botijão e taxa de prenhez

Ricardo Reuter Ruas, médico veterinário, consultor da Asbia e diretor da Fertilize®

O sêmen inicia o descongelamento a 80°C negativos, temperatura encontrada 7 cm abaixo da boca do botijão e, quando o caneco é suspenso para a retirada de uma dose, as demais são expostas ao choque térmico. Quando combinados tempo demasiado longo e caneco suspenso mais que o devido, uma maior área das palhetas estocadas na parte de cima das racks é afetada, ocorre então o choque térmico com consequente injúria e lesões nos espermatozoides atingidos nessa área, que iniciam o descongelamento e não o completam pois o caneco é novamente imerso no nitrogênio. É comum o inseminador dar toda atenção à dose que está sendo retirada e não se preocupar com cuidados como altura e tempo de permanência dos canecos suspensos, o que deprecia o sêmen estocado e afeta a fertilidade das inseminações da próxima semana, do próximo mês e assim por diante.

Um experimento realizado na Suiça¹ para investigar a influência do manuseio na qualidade e eficiência do sêmen descongelado concluiu claramente que a taxa de prenhez foi fortemente influenciada pela qualidade do sêmen que, por sua vez, variou conforme os inseminadores em três regiões estudadas. 

A recomendação da ASBIA – Associação Brasileira de Inseminação Artificial é “Levante o caneco contendo sêmen escolhido até o máximo de 7 cm abaixo da boca do botijão e retire a dose de sêmen com o auxílio de uma pinça apropriada em até 5 segundos”. 

 

Em outro experimento, dessa vez no Iraque², foi estudada a resistência do espermatozoide ao choque térmico pós descongelamento utilizando-se de 2 botijões, um com nível recomendado de nitrogênio e outro abaixo, cada um com um caneco sendo levantado dentro do gargalo do botijão por 10 segundos e outro sendo levantado para fora do botijão por 20 segundos. Foi verificado que a qualidade dos espermatozoides piorou sensivelmente com a soma dos fatores: baixo nível de nitrogênio, manipulação inadequada do caneco e descongelamento seguido de choque térmico frio.

Na prática, observa-se um descumprimento à recomendação técnica na grande maioria das vezes devido ao fato de o inseminador não utilizar a pinça para retirar as palhetas, suspender demais o caneco e por mais tempo que o devido, o que determina mais perdas e, dessa vez, de forma acumulativa no sêmen estocado. Justificam-se, dessa maneira, medidas para diminuir o manuseio do botijão, como retirar mais de uma palheta por vez com a pinça apropriada, diminuindo a incidência de longos choques térmicos. A redução do manuseio do botijão ajuda também a melhor proteger o sêmen sexado, que é ainda mais sensível ao choque térmico, e a diminuir a perda de nitrogênio pelo manuseio.

Podemos reduzir ou mesmo anular a perda decorrente do manuseio do sêmen se utilizarmos o Kit Dupla Praticidade Fertilize, composto pela Pinça IATF e o Descongelador Eletrônico de Sêmen Fertilize. 

A Pinça Fertilize – IATF evita o inconveniente de manusear as palhetas com os dedos e queimá-los com o frio, o que é reconhecidamente doloroso para o inseminador e danoso para os espermatozoides. O Descongelador, além de ser muito prático, evita erro no descongelamento do sêmen e propicia, como consequência, o aumento do leite e do número de crias nascidas por ano com o aumento de prenhez verificado no diagnóstico de gestação.

¹[Effects of straw handling during storage on semen quality in the bull].
[Article in German]
Janett F, Schilter EWeber F, Witschi U, Thun R.

²Effects of different temperature treatements applied to deep stored bull semen on post-thaw cold shocked spermatozoa.  Zekariya Nur, Irfan Kamuran Ileri and Kemal Ak

Autor: Ricardo Reuter Ruas - Médico Veterinário, Diretor da Fertilize®
Consultor da ASBIA - Associação Brasileira de Inseminação Artificial
Coautor das cartilhas de Inseminação Artificial do Senar-MG, Senar-SP e da Associação Brasileira de Inseminação Artificial.

Download do artigo

Últimas notícias

Fique por dentro de nossas novidades

Cadastre-se e receba informações sobre a Evolução na Pecuária.